Voltar ao site

Renato assume compromisso com servidores públicos, professores e jornalistas

O candidato do PSOL a prefeito de Fortaleza, Renato Roseno, assinou nesta quarta-feira, 14, mais um compromisso com setores importantes da sociedade civil: desta vez, com as categorias de servidores(as) municipais, jornalistas e professores(as) de Fortaleza para as eleições 2020.

A Plataforma para as Eleições 2020 foi apresentada aos candidatos e às candidatas às Câmaras Municipais e às Prefeituras de todo o Ceará.

As propostas apresentadas representam o que os servidores públicos, jornalistas e professores esperam para o Ceará e para o Brasil. Também defendem a retomada de direitos usurpados, especialmente os do trabalho, buscando fortalecer ainda os processos de democracia direta e participativa.

Desenvolvida em parceria entre a Federação dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal do Estado do Ceará (Fetamce), o Sindicato dos Jornalistas do Ceará (Sindjorce) e o Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação do Ceará (Sindiute), a Plataforma do Servidores/as Municipais, jornalistas e professores/as de Fortaleza para as eleições 2020 foi lançada na sede do Sindiute.

Trata-se de um instrumento para a consolidação da parcerias no movimento sindical e social, com o objetivo de enraizar propostas e intervir efetivamente nos rumos das cidades cearenses.

Ao assinar o documento, Renato se compromete publicamente a defender a dignidade dos servidores públicos municipais, os professores de Fortaleza e os jornalistas.

A proposta da Plataforma é incentivar os/as candidatos/as a enfrentar questões como o déficit de desenvolvimento local, o desemprego, a retirada de direitos sociais e trabalhistas, as privatizações, o corte de verbas da educação, o desmonte do serviço público e os ataques à liberdade de expressão.

Educação

Em relação às demandas dos professores, Renato manifestou apoio e disse que acredita na educação que Paulo Freire nos ensinou.

"Queremos que essas novas gerações leiam o mundo na tentativa de transformá-lo. Se a leitura do mundo precede a leitura da palavra, a leitura da palavra expande a leitura do mundo. É assim que pensamos a política"

"Queremos que a educação seja esse ato de libertação. Nosso compromisso é com a expansão da rede da educação infantil", afirma Renato.

Propostas para a educação

Conheça nossas principais propostas para a educação:

● Operar o ensino escolar a partir de uma Educação Integral, inclusiva e democrática;

● Considerar a organização de ensino escolar a partir dos CICLOS de aprendizagem e não por setores anuais;

● Democratizar o sistema escolar para além da democratização da gestão;

● Promover formações continuadas e cotidianas para professoras/es e servidoras/es da educação;

● Garantir que o espaço escolar seja um espaço da diferença, da igualdade e da diversidade;

● Reformular o material didático que está inadequado para os modelos que garantam princípios fundamentais de inclusão e de democracia de acesso ao conhecimento;

● Ampliar a rede de educação infantil, a fim de atender a demanda reprimida em quatro anos, por meio da construção e manutenção de 80 Centros de Educação Infantil na rede municipal, com profissionais qualificados;

● Ampliação de matrículas em creches em tempo integral, de modo a atingirmos 50% de cobertura para essa sub etapa da educação básica, na cidade de Fortaleza;

● Início de atendimento, em tempo integral, para grupos de crianças de 0 (zero) a 1 (um) ano de idade;

● Ampliação do atendimento de crianças de 4 e 5 anos de idade em pré-escolas de tempo integral, de modo a atender, no mínimo, o fluxo continuo de crianças matriculadas em tempo integral nas creches;

● Reorganização curricular, tendo em vista a minimizar dos danos provocados pelo isolamento social decorrente da pandemia de COVID 19, com atenção especial para as classes das 5ª e 9ª séries;

● Requalificação do acervo das bibliotecas escolares e instalação desses equipamentos em estabelecimentos que não o possuírem;

● Ampliação do número de computadores nos laboratórios de informáticas das escolas públicas municipais, tendo em vista a adequação de computadores (funcionando) e número de estudantes e instalação desses equipamentos em estabelecimentos que não o possuírem;

● Requalificação dos materiais e equipamentos dos laboratórios de Ciências da Natureza das escolas municipais e instalação desses equipamentos em estabelecimentos que não o possuírem.

Quer conhecer o nosso programa na íntegra? Então vem aqui!

Todos os Posts
×

Quase pronto…

Acabámos de lhe enviar um email. Por favor, clique no link no email para confirmar sua subscrição!

OK